fbpx

As razões para acreditar que não existe Vale do Silício no Brasil

Você S/A, 07/05/2019

O professor Renato Cotta concedeu entrevista à revista Você S/A

 

Embora haja centros de tecnologia no país, especialistas afirmam que estamos longe de alcançar uma estrutura favorável à inovação semelhante à da Califórnia

Os empreendedores que conduzem uma startup ao sucesso logo são convidados a levar essa experiência para o exterior. “Não temos como competir com cifras que chegam a 1 milhão de dólares e com a possibilidade de um desenvolvimento lá fora”, afirma Renato Cotta de Mello, professor do Master International Business do COPPEAD, da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Segundo ele, cada polo tem uma vocação, que está relacionada à realidade e às características do local no qual está instalado.

 

Rolar para cima