Os dilemas de crescer com propósito: caso Mancha Orgânica

Tipo
Artigos

Ano
21/02/2022

Linha de Pesquisa
Tomada de Decisão, Comportamento e Ética

Autor(es)
Thaysa Costa do Nascimento, Flávia Pimenta Fracalanzza, Victor Manoel Cunha de Almeida

Orientador

https://rac.anpad.org.br/index.php/rac/article/view/1532/1782


Caso deseje uma cópia integral da tese/dissertação, por favor envie um e-mail para biblioteca@coppead.ufrj.br.

Revista de Administração Contemporânea, v. 26, n. Sup. Resumo: O caso apresenta o dilema enfrentado em novembro de 2018 pela Mancha Orgânica, uma startup carioca que produz tintas orgânicas. A Mancha é norteada por princípios de sustentabilidade produzindo uma tinta atóxica e oriunda de elementos naturais. Apesar do reconhecimento e resultados comerciais que estavam conquistando, os sócios Amon, Pedro e Martina se perguntavam como crescer sem perder o propósito de consumo consciente, mas lidando com os desafios produtivos. O caso da Mancha Orgânica se mostra oportuno para propor uma discussão acerca de propósito e organizações tidas como purpose-driven. O caso foi desenvolvido para ser usado em disciplinas de Branding ou Marketing de programas de pós-graduação de lato ou stricto sensu. Com a discussão do caso, espera-se que os alunos desenvolvam habilidades necessárias para examinar e diferenciar o posicionamento e desafios de organizações purpose-driven.

Palavras-chave: Branding, Purpose-driven, Propósito, Casos de ensino.

Rolar para cima