fbpx

Melhores práticas em inovação: Uma pesquisa em empresas do setor de TI

Tipo
Artigos

Ano
08/10/2015

Linha de Pesquisa
Tomada de Decisão, Comportamento e Ética

Autor(es)
Júlio Cesar Castanheira de Souza, José Geraldo Pereira Barbosa, Marco Aurélio Carino Bouzada, Antônio Augusto Gonçalves, Elaine Tavares

Orientador

https://periodicos.ufsm.br/reaufsm/article/view/10798/pdf


Revista de Administração da UFSM, v. 8, n. 4, pp. 685-705. Resumo: O objetivo desta pesquisa foi avaliar até que ponto a adoção, em maior ou menor grau, de práticas de gestão de inovação preconizadas pelo modelo de gestão de inovação de Hull e Tidd (2003) explicaria, juntamente com o contexto, o desempenho, tanto em desenvolvimento de inovações em serviços quanto em prestação de serviços, de 36 empresas de serviços de Tecnologia da Informação (TI) do estado do Rio de Janeiro. A pesquisa identificou que o componente do modelo que discriminou mais indicadores de desempenho em desenvolvimento de inovações em serviços foi o contexto (ambiente) em que as empresas estão inseridas. O resultado da regressão logística efetuada indicou que a capacidade de integração recíproca e a presença formalizada de um setor de desenvolvimento na estrutura organizacional da empresa, dimensão interna do contexto, foram determinantes para as empresas da amostra estarem acima ou abaixo da média em termos de desempenho em desenvolvimento de inovações em serviços. Percebeu-se, ainda, com uma correlação moderada a um nível de significância de 0,01, que um bom desempenho em inovação de serviços implica um bom desempenho na prestação dos serviços novos ou melhorados.

Rolar para cima