fbpx

Siloed Perceptions in Pharmaceutical Supply Chain Risk Management: A Brazilian Perspective

Tipo
Artigos

Ano
02/03/2020

Linha de Pesquisa
Aspectos Sociais da Tecnologia da Informação

Autor(es)
Jessica Silva, Claudia Araújo, Leonardo Marques

Orientador

https://doi.org/10.1080/10978526.2020.1731315


Latin American Business Review, volume 21, n. 3, pp. 223-254. Resumo: O presente trabalho mapeia a percepção de risco na cadeia de abastecimento farmacêutico (PSC—sigla em inglês para pharmaceutical supply chain) no Brasil. Nosso estudo empregou a metodologia de ordem de dimensão no processo de análise hierárquica para classificar o risco percebido por: indústria, distribuidores, hospitais e farmácias. Demonstramos que os participantes têm uma visão compartimentada do risco, assim como do impacto do risco. Enquanto os players principais enfatizam o custo, os players secundários valorizam o serviço. O que todos têm em comum é dar mais ênfase aos riscos operacionais do que aos estratégicos. Destacamos a necessidade de estudos adicionais na América Latina, porque apesar de haver um interesse crescente sobre o risco, poucos estudos abordam a PSC e um número ainda menor versa sobre a realidade fora do hemisfério norte.

Rolar para cima