fbpx
carlos-heitor-investing-financas pessoais

Carlos Heitor Campani publica artigo sobre Análise dos Melhores e Piores FIAs nos Últimos 5 Anos

Portal: Investing.com

Olá, Pessoal. Neste artigo, compartilharei com vocês uma análise do mercado de FIAs, os fundos de investimentos em ações. Ao contrário do que normalmente faço em minhas análises das melhores e piores ações da bolsa, eu não comentarei sobre desempenhos individuais de FIAs porque não quero correr o menor risco de expor um gestor. Minha ideia é dar um belo panorama do mercado de FIAs e ajudar você leitor a posicionar FIAs (que você possui em carteira ou que estuda investir) dentro de um contexto geral desse mercado.

Como sempre sugiro a clientes e amigos, uma análise de qualquer tipo de investimento jamais pode se deixar levar apenas pelo desempenho mais recente ou apenas por rentabilidades. Observar períodos mais longos é fundamental para analisar a persistência de eventuais boas performances. Da mesma forma, verificar o risco ao qual a estratégia do fundo se expõe permite avaliar se ele se adequa ou não ao seu perfil de investidor. Por fim, analisar a performance ajustada a risco é importante para concluir se um eventual ótimo desempenho permanece adequado mesmo após o risco ser considerado.

Nas análises a seguir, utilizo as rentabilidades acumuladas em períodos recentes de um, três e cinco anos. Uso como medida de volatilidade o desvio-padrão amostral e anualizado dos retornos mensais dos fundos. Finalmente, utilizo como medida de desempenho o tradicional índice Sharpe, calculado de forma anualizada e relativo ao CDI como taxa livre de risco. Quem lê minha coluna assiduamente sabe que sou um crítico ferrenho do índice Sharpe, tendo desenvolvido o índice Campani, que corrige as distorções do Sharpe (e até do Sortino). Não obstante, preferi desta vez utilizar a medida de desempenho tradicional para facilitar comparações. Além disso, dentro de uma mesma classe de fundos, as distorções provocadas pelo Sharpe se reduzem um pouco.

Para ler a matéria completa, clique aqui.

Rolar para cima