fbpx

Em mais uma colaboração com a CNN, Professor Carlos Heitor Campani comenta sobre a lista das ações mais estáveis da Bolsa em 2020

Portal: CNN Brasil

Tem medo da bolsa? Algumas ações são mais estáveis que outras; veja a lista

Investir na bolsa de valores para fugir dos juros baixos Da renda fixa parece um mantra que todo o mundo passou a repetir de uns tempos para cá. Muitas pessoas, porém, têm uma aversão natural a investimentos que ficam subindo e descendo e, por essa razão, continuam passando longe da renda variável.

Para esses, um bom caminho de entrada pode ser olhar para a volatilidade, a principal medida usada pelo mercado financeiro para avaliar o risco das ações, ou seja, o quanto cada uma delas é mais ou menos imprevisível. A volatilidade calcula quais papéis oscilam mais e quais menos ao longo do tempo.
Para quem já investe na bolsa, olhar para essa medida não é menos importante. O ideal, para esses, como em todo o resto, é diversificar: ter um pouco das ações mais arriscadas, que são também as que podem dar ganhos mais rápidos, e um pouco das mais seguras, que tendem a manter mais os seus níveis de preços quando todo o resto despenca.

“O portfolio tem que ser bem diversificado inclusive em relação ao risco e à volatilidade das ações”, disse o economista Carlos Heitor Campani, professor de finanças do Instituto Coppead de Administração da Universidade Federal do Rio de Janeiro (Coppead/UFRJ).

Para ler a matéria completa, clique aqui.

Rolar para cima