fbpx

A professora Elaine Tavares concedeu entrevista para o especial Carreiras sobre “protagonismo é dos funcionários”

Portal: Revista Valor Econômico
Data: 01/10/2019

 

Protagonismo é dos funcionários

As empresas premiadas assumem compromissos com desenvolvimento e qualidade de vida

 

A pesquisa mostra que os empregados querem um gestor que se preocupe em estar próximo, que dê feedback contínuo visando à melhora do desempenho, saiba distribuir os objetivos de curto e longo prazo e, ao mesmo tempo, forneça autonomia às pessoas. “A explosão de dados disponíveis e as novas ferramentas tecnológicas permitem que as empresas tenham um mar de possibilidades e vários caminhos abertos. É preciso ter uma cultura que ampare esse contexto”, diz Elaine Tavares, diretora do COPPEAD/UFRJ.

Para isso ocorrer, não bastam somente à liderança ética e propósito para atuar. “É preciso que ela saiba onde quer chegar para orientar a estratégia e criar o engajamento necessário para a transformação digital.” Na pesquisa, entre as vencedoras, 89,2% de seu empregados afirmaram que suas empresas tomam boas decisões em relação à direção dos negócios. De preferência, de forma rápida. Tomar decisões sem demora injustificada está entre os itens de maior discrepância relacionados à agilidade organizacional. As vencedoras apresentaram um percentual de 70,4% nesse quesito, ante 57,8% das demais.

Na visão de Eliane, do COPPEAD, o conceito atual de engajamento vai além de o funcionário responder positivamente se está disposto a permanecer naquela empresa. “De forma objetiva envolve uma questão: essa empresa é um mecanismo positivo e efetivo para eu construir coisas legais?”, afirma. A sensação de que os objetivos de carreira podem ser realizados na empresa apareceu para 83,7% entre as destacadas, uma diferença de 13,6 pontos percentuais para as outras. Nas empresas vencedoras, 96,1% dos funcionários mostraram orgulho de trabalhar lá – 6,3% pontos percentuais à frente das demais.

 

 

 

 

 

Assessoria de Imprensa: Contextual Comunicação

Rolar para cima